domingo, 6 de maio de 2012

Vivo na estrada

Todos os sábados, vejo o sol se por na estrada, ele vai descendo pelo retrovisor e cenários incríveis vão surgindo a cada curva, a cada instante, tantas pessoas cruzando o mesmo caminho, em mundos tão diferentes, e sigo em frente levando e deixando um pouco de mim, um pouco do que vivi.
Eu gosto de estrada, do vento na cara, das frutas no acostamento, dos casais passando nos carros, gosto do movimento, me sinto viva pelo mundo, existindo, seguindo o meu caminho, escrevendo o roteiro da minha vida,  e compartilhando o meu sonho com crianças que nem sabiam sonhar...
Hoje, descobrimos que juntos podemos construir um lugar melhor,  um lugar onde todos tenham o mesmo valor!



Nenhum comentário:

Postar um comentário