terça-feira, 26 de outubro de 2010

REFERÊNCIA

               Eu acho sempre muito engraçado esse negócio de referência... Hoje em dia a maioria das pessoas precisa de referência para fazer tudo, a publicidade então, depois da internet, vc sempre vê uma ideia genial, e acaba descobrindo que é genial mas não original, uma outra pessoa já tinha tido a brilhante idéia antes de vc e é triste mas é realmente muito dificil ter uma idéia inédita! Imaginem quantas cabeças pensando no mundo todo... e só vc foi capaz de ter pensado "aquilo".. é muita sorte mesmo!! Mas deu a chance de vc fingir que é bom, pelo menos, inclusive mostrando pro cliente o vídeo no youtube pra ele ver o que vc pensou rsrsr
E não é só na publicidade que impera a referência, a moda por exemplo, é toda criada com referências, que pode ser inspirada por grandes celebridades, pelas décadas, planetas, desenhos animados ou animais, tudo pode ser referência pra moda.
Na família também temos as nossas referências, o tio bêbado, o pai conservador, a mãe neurótica por limpeza, a tia trambiqueira, os primos drogados, mas o que todos tem em comum é que viram referência. cada um na sua modalidade.
No amor também a gente costuma usar como referência as novelas, os filmes, e ficamos sonhando com a pessoa perfeita, e nesse caso eu só posso dizer que vc só vai encontrá-la dormindo, porque desculpa, mas ninguém é perfeito.
Ah, também temos os pontos de referência, que esses são fundamentais, sem eles por exemplo eu não conseguiria chegar a lugar nenhum, aliás pra quem nasceu sem senso de direção, até pra chegar em casa precisa de pontos de referência.
As modelos, essas coitadas sofrem muito, porque tem como referência a barbie, tadinhas...
E eu realmente acho que a gente tem que ter um pouco mais de cuidado com o que pensa, faz e fala, porque muito em breve podemos servir de referência pra algumas pessoas...

Adriana Manolio

Um comentário:

  1. Dri,amiga que amo!!!Você é algo que relmente tenho envidia.rsrsr.À sua maneira de falar as coisas me comove.À sua clareza me emociona.Me deixa com vontade de saber.Sabe ler,saber falar,saber dizer com clareza e ciência,saber,saber....rsrsrsr.Mas amiga,nem sempre a vida é tão clara para todos.Ainda bem que até nos momentos de lucidez eu tento achar um pouquinho de fabula.kkkkkkkkkk.Portanto,acho necessário um pouco de cegueira.Afinal a arte vive disso!!!O que seria da gente sem a cegueira?Ahhhhh.Sim,morreriamos de fome.Então,viva a megalomania e vamos deixar os outros fingir genialidade.
    Te amoooooooooooo.
    Quando eu crescer irei ser como vc.Afffffffffff.Como vc sim!Só mais um pouco burrinha.Não quero saber mais do que sei.Tenho medo!!! Eu não sou obrigada!!! :))))

    ResponderExcluir